• 1
  • 2
  • 3

Lua da Tempestade

Esta lua recebeu este nome pois nesta época ocorre muita chuva e tempestades que por sua vez, fertiliza a terra fazendo brotar nova vida! Por isso este Esbath também é conhecido em algumas tradições como LUA DAS SEMENTES.
Esta celebração é interligada a o Sabbath da época, que é Imbolc e devido a esta ligação energética eles contém as mesmas propriedades de transmutação e purificação. Não é raro ver Bruxos que aproveitam essa harmonia e celebra o Sabbath Imbolc e Esbath da Tempestade no mesmo dia.

Sugestão para ritual:
Sugestão para celebrar a Lua da Tempestade

Correspondências:
– Correlação: -.
– Símbolos: cor branca.
– Incensos: lavanda (ou alguma outra essência de florque te traga tranquilidade e alegria).
– Alimentos: -.

COMEMORANDO O ESBATH
-Precisaremos de muitas velas
-Flores para oferendar a Deusa
-Incenso de lavanda (ou alguma outra essência de flor que te traga tranquilidade e alegria)
-Caldeirão com água (ou vasilhame que suporte altas temperaturas)
-Decore como desejar
-Trace o Circulo
-Comece saudando a Grande Mãe, agradeça pelo novo ciclo que começa, por ter suportado os invernos da vida, agradeça por todo novo aprendizado que ainda está por vir...(ofereça com amor as flores)
-Acenda as velas mentalizando que está acendendo o próprio fogo da vida, nas entranhas da terra uma semente desperta, e a cada vela acesa e quanto mais luz vai tento, mais esta semente vai crescendo por baixo da terra silenciosa, mas você em comunhão com a Deusa Mãe sente a vida retornando!
-Agora sente-se junto ao caldeirão, se possível observe a Lua conecte-se com ela ou apenas visualize ela e seu poder lhe banhando e te enchendo de energia!

-Feito isso, coloque suas mãos sobre o caldeirão e diga:

Abençoada é esta água, pois sua fonte é o útero da própria Deusa, e eu como sua filha peço que ela me conceda a sua proteção divina!

-Pegue um pouco com as mãos e derrame sobre sua cabeça
-Coloque o dedo na água, e com os dedos molhados faça o sinal do pentagrama na sua testa, depois no seu peito, ventre e nunca.
-Agradeça a vinda da luz e os ensinamentos da escuridão mais uma vez
-Agora é a hora de comer e beber a ceia dos Deuses! (LEMBRE-SE DE DEIXAR A A PARTE DELES RESERVADA)
-Ao fim deixe o alimento no altar por três horas ou até a vela se queimar e depois devolva a terra enterrando.
-Está Feito!

Imprimir Email

Mais postagens

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9